domingo, 22 de agosto de 2010

O CONSTRUTOR DE PONTES


Escrito por Will Allen Dromgoole

"Um velho solitário seguindo pela estrada
Chegou naquela noite fria e desolada
A um precipício, vasto, profundo e imenso,
Pelo qual fluía um rio tão denso.
À luz do crepúsculo o velho atravessou.
O denso fluxo da torrente não o intimidou.
Voltou-se ao chegar ao outro lado, com certeza
De construir uma ponte sobre tal profundeza.


"Velho", disse um peregrino que passava ali,
"É desperdício o esforço de cá construir.
Tua jornada finda quando finda o dia,
Mas nunca voltarás a esta cercania.
Cruzaste o abismo - qual é o caso
De construir uma ponte em pleno acaso?


Operoso, o velho disse, erguendo a fronte:
"Bom amigo, a razão de construir a ponte
É que, depois de minha travessia triunfante,
Há de seguir-me um jovem ou infante.
O abismo que admirei com maravilha
Pode revelar-se a ele como armadilha.
Mas é importante que atravesse o precipício.
Bom amigo, é por ele que faço tal sacrifício."

Isso nos faz pensar e refletir sobre que tipo de ponte estamos criando ou criaremos .
ou se nem nos preocupamos com quem possa vir atras de nós, e precise de um apoio ou ajuda pra tambem formar suas pontes e caminhos .
pensemos nisso...

abraços

Rosangela Lessa

Máquinas ou Humanos?

Relendo a famosa frase de Jonh Lennon : "A vida é aquilo que acontece enquanto fazemos planos " que me veio a vontade de escreve...